sexta-feira, 7 de julho de 2017

O que te mantém na blogosfera?


Afinal... O que me mantém aqui, na blogosfera?
Essa é uma das respostas mais simples que tenho pra essa pergunta: LIBERDADE.

Percebi que já estou há "alguns" anos aqui (em breve terei um post mais específico pra isso, fiquem na curiosidade, hahaha) e o que as redes sociais não me possibilitam, o blog me possibilita! Não importa a plataforma ou até mesmo seus recursos, sempre dou um jeito de extravasar felicidade ou tristeza em algum texto.

Eu gosto de escrever, escrever textão (com qualidade, claro) mesmo! Não importa se é uma bobeira de como foi o meu dia nada produtivo ou reclamando de como tem gente mal educada no transporte público, o Facebook, por exemplo, não me possibilita extravasar. Sendo sincera, pouquíssima gente lê, já que hoje em dia tudo é muito rápido e assim como Brasil não comporta eventos grandes (é uma piada, não me taquem pedras), redes sociais no geral também não. Isso sem contar que não sou uma pessoa que me expõe muito nessas plataformas, logo, escrever sempre me parece uma boa ideia, mesmo que eu possa me lascar se escrever alguma bobeira, mesmo que sem querer, ou ser apedrejada por ter sido bem mal interpretada. Ossos do ofício na internet... Mas a gente desiste? Lógico que não, a gente só muda de lugar, de planos e faz história de novo.

Blog também é uma forma de eu colecionar minhas memórias. Admito que ter apagado muitas de minhas postagens, me bateu um arrependimento muito forte, sem brincadeira. Tudo bem que tinha vergonha alheia, escrita zoada, imagens/gifs sem contexto, menções a pessoas que nem fazem mais parte da minha vida e essas coisas, mas não deixam de ser memórias, boas ou ruins. Gostaria até mesmo de recuperar meus blogs ainda mais antigos só pra rir de mim mesma e ver o quanto evoluí, mas acho que isso não é possível :(

Mas a cereja do bolo é conhecer gente que se identifica ou gosta do que escrevo. Posso não saber como é o rosto, se é homem ou mulher, se mora do outro lado do mundo, se têm os mesmo gostos ou não, se vai vir sempre aqui... O que importa de verdade é a pessoa sentir algo pela postagem que fiz. Pode ser até raiva, tá valendo, hahahahaha! Porém, devo ressaltar que sempre escrevo pra mim e é uma forma de me libertar do estresse ou "preciso contar essa novidade legal pra alguém", se vêm gente comentar é lucro (se for um comentário bom, lógico que ficarei muito feliz). Isso é muito mais importante do que você escrever o que os outros querem (falo isso pra tentativa das pessoas tentarem ficar famosas na rede com esse tipo de coisa), porque na minha opinião, acaba se tornando uma obrigação e não um prazer ou hobby.

Pra finalizar e resumindo melhor a obra: o que me mantém aqui é poder ser eu mesma, de escrever o que me faz bem e de certa forma fazer com que as pessoas se identifiquem com alguma situação ou apenas gostem do que escrevo.

*Bônus* O que me mantém aqui também é a facilidade de personalizar as coisas. Sempre tento buscar formas legais de fazer um layout, mesmo que eu sofra com HTML (em anos não aprendi a fazer nada do zero, que vergonha ;x), o código não funciona ou faça o clichê de sempre. Gosto de editar, de colocar algum efeito CSS, de fazer imagens pra enfeitar o post, de caçar gifs, qualquer coisa assim me faz feliz e ajuda a distrair a mente, já que ainda estou encaminhando a ser uma pessoa mais positiva comigo mesma (isso é desde sempre, mesmo falhando ainda) e o blog me ajuda muito com isso!

Nota pessoal: percebi que escrevi "mantêm" ao invés de "mantém" na plaquinha. Os dois estão certos (um no plural e outro no singular), porém queria ter arrumado, mas eu não salvei o arquivo original de camadas, então ficou assim mesmo 8D


Antes de me despedir dessa postagem, tô participando de uma Blogagem Coletiva. Vai ter sempre um selo e vocês podem clicar para se redirecionarem ao projeto (e pode participar qualquer pessoa, só ter um blog é claro). Só seguir as regras que nada vira bagunça!

Por hoje é só. Um beijo e até a próxima!

http://togetherp.blogspot.com.br/
Esta postagem faz parte da Blogagem Coletiva do Together, 
um projeto para unir a blogosfera! Para saber mais, clique no selo.

2 comentários:

  1. Olá Moh *U*
    Conheci seu blog esses dias e estou gostando muito daqui, gostei do layout (e do tema dele) e das cores - sempre observo muito isso hahah.

    Eu também adoro escrever textão, e adoro ler uns por aí. Hoje em dia não se pode comentar mais nada nas redes sociais realmente, o povo já vem com uma pedra na mão e a maioria também não respeita a opinião alheia...

    Esses dias estava lendo uma postagem antiga minha e vi que tinha mencionado uma pessoa nela - que aparentemente devia ser uma amiga, eu li e reli o nome mil vezes e nem lembrava mais quem era o indivíduo.

    Me identifico muito contigo no fato de querer contar uma novidade, sempre quando descubro alguma coisa nova ou algo péssimo acontece, a primeira coisa que penso é que devo falar sobre aquilo no blog e ajuda muito!

    Abraços,
    pile of roses

    ResponderExcluir
  2. Oiee Moh!
    Bati uma saudades e vim visitar aqui como sempre fazia hoho o/
    Então, infelizmente está acontecendo comigo também de deixar de ler os textos que deveria ser mais vistos. Hoje as coisas são tão práticas que muitas pessoas estão perdendo os costumes de fazer trabalho bem caprichado.
    E como os redes sociais virou (tipo facebook / instagram) algo beeem saturado pra acessar vida alheia, muitas pessoas ficam desesperadas e tenta de tudo pra não passar vergonha na cara, e acaba perdendo a liberdade de expressar seu verdadeiro sentimento, exceto aqui no blog (por isso entendo muito por ficar na blogosfera).

    Kiss!

    ResponderExcluir

Antes de tudo: tenha bom senso ao fazer seu comentário.
Qualquer inconveniência, spam e "seguindo, me segue de volta" será ignorado (e apagado).

Obrigada por comentar e visitar meu blog! ♥